Criar Site Profissional

Olá e seja bem-vindo ao nosso guia completo sobre como criar um site profissional! Se essa é a sua primeira vez, a tarefa pode ser desanimadora. Felizmente, facilitamos ao máximo a sua pesquisa para que você entenda se um site profissional é realmente o que precisa, quanto custa e quanto tempo leva para ficar pronto.

Se tiver interesse em vender online, confira também o nosso guia detalhado para criar um site de vendas.

Então, comecemos com a grande questão:

1. Por que eu preciso fazer um site profissional para a minha empresa?

Bem, é como se estivéssemos em 1950 e você perguntasse “por que eu preciso de um espaço físico para vender meus produtos?”. Como dá para imaginar, ter o seu nome no alto de uma fachada tem diversas vantagens, independentemente do serviço proposto.

É claro que você pode confiar apenas no boca a boca dos seus clientes e consumidores locais… Mas, como dono de uma empresa, se quer que seu negócio cresça com o tempo, ter o seu próprio site, assim como expor seu nome em uma vitrine, serve para ajudar de diversas maneiras:

  • Mostra claramente o propósito da sua empresa;
  • Ajuda a ganhar visibilidade e clientes;
  • É uma ótima ferramenta promocional que pode ser compartilhada facilmente;
  • Favorece o seu engajamento com os clientes e consumidores;
  • Deixa os seus dados de contato visíveis para que as pessoas o encontrem;
  • Passa credibilidade e confere um aspecto profissional ao seu site;
  • Permite que você venda produtos diretamente online (no caso de uma loja virtual).

2. Certo, me convenceu! Agora, como criar um site profissional?

É hora de decidir que tipo de site você quer. Para facilitar, definimos duas categorias: sites simples e sites complexos. As suas necessidades terão grande impacto no preço e no tempo de criação.

Tipo de site Simples Complexo
Número de páginas  1 – 40 1 – 100
Templates Prontos para uso. Opções limitadas de personalização Prontos para uso ou personalização total possível
Prazo estimado de criação 3 – 7 dias Várias semanas ou até meses
Orçamento (estimativa aproximada) R$ 30,00 a R$ 60,00 por mês R$ 3.000,00 a R$ 6.000,00 se contratar um profissional. Mais R$ 25,00 a R$ 100,00 por mês com hospedagem
Hospedagem Incluída (hospedagem na nuvem) Você precisa comprar o seu próprio serviço de hospedagem
Plataformas que você pode usar Webnode, Wix, Weebly WordPress, Drupal ou Joomla

Então, como criar um site profissional? Para a categoria de sites simples, é melhor usar um criador de sites, como o Weebly ou a Wix: são ferramentas fantásticas para sites informativos simples (mas com aspecto profissional). Ideal para mostrar o que você faz e como encontrá-lo (claro que você pode ir muito além disso). A instalação é rápida e os construtores de site são bem fáceis de usar, além de também te permitirem comprar um nome de domínio, hospedagem e e-mail profissional em um só lugar. Alguns já oferecem tudo isso em um pacote completo.

Existem também outras soluções para projetos mais complexos, conhecidas como Sistemas de Gerenciamento de Conteúdo (CMS). Talvez você já tenha ouvido falar de um deles, o WordPress. Eles são opções melhores se você quiser criar um site mais sério com controle total do visual e do estilo, capacidade de ampliar com o tempo e outros recursos avançados, como idiomas variados. Eles também exigem mais conhecimentos técnicos ou, pelo menos, tempo livre suficiente para procurar ajuda nos fóruns da comunidade!

3. Eu já tenho a lista de coisas que preciso para o meu site. Posso adicioná-las?

Tecnicamente, sim. Mas considere que algumas soluções são mais fáceis e baratas do que as outras. De qualquer modo, os requisitos essenciais que você precisa para criar um site profissional são:

  • Seu próprio nome de domínio (ex.: www.sua-empresa.com);
  • Contas de e-mail (ex.: [email protected]);
  • Designs com aspecto profissional;
  • Recursos de SEO (para um melhor posicionamento nos mecanismos de busca);
  • Templates otimizados para dispositivos móveis;
  • Formulários de contato;
  • Opções de e-mail marketing;
  • Integração com as redes sociais;
  • Suporte técnico;
  • Opção de acrescentar uma loja virtual.

Abaixo, a nossa análise geral sobre as principais ferramentas para criação de site deve te dar uma ideia melhor de por onde começar.

4. Quais são as melhores ferramentas para criar sites profissionais?

Vamos falar sobre algumas das ferramentas mais usadas para fazer um site profissional. Como você vai ver, todas elas têm seus prós e contras.

Criar site profissional: Wix

Wix

Wix: o criador de site mais conhecido. Os templates e designs são ótimos, com uma grande variedade voltada para setores diferentes, e melhores opções de personalização que o Weebly. A plataforma é totalmente pensada para o ramo dos negócios, por isso oferece recursos úteis e bacanas, como o Wix Bookings (para aceitar reservas e agendamento online), o Wix Restaurants e o Wix Hotels. Se você precisar de domínio e um e-mail profissional, pode conseguir com a Wix também, por um custo extra. Saiba mais sobre a Wix na nossa análise completa.

Criar site profissional: Weebly

Weebly

Weebly: provavelmente o criador de site mais fácil do mercado com um sistema de arrastar-soltar. Os templates são visualmente bem estruturados e profissionais. O Weebly permite personalizá-los mudando a posição de alguns elementos na página, mas sua liberdade criativa não será total. Seu nome de domínio é grátis durante o primeiro ano. Aqui, você também pode adicionar seu próprio nome de domínio e e-mail profissional, por um custo extra. Confira a nossa análise completa aqui.

É Webnode bom?

Webnode

Webnode: uma solução muito boa de pacote completo, fácil de usar e que se destaca porque criar um site multilíngue com ela é moleza. Os preços dos pacotes da Webnode são decentes e o site é montado com designs responsivos cuja exibição se adapta em qualquer dispositivo. Ela propõe até mesmo uma solução simplificada para criar sites multilíngues. Porém, alguns recursos relevantes estão faltando (ex.: e-commerce próprio, opções avançadas de blog), assim como outras ferramentas que a Wix ou o Weebly oferecem. Talvez você também precise de funções extras e extensões, mas aqui não existe uma app store oficial. Para mais detalhes sobre as vantagens e desvantagens, veja a nossa análise completa da Webnode.

Criar site Profissional: WordPress

WordPress

WordPress: mais adaptado para sites complexos com 40 páginas ou mais (como um site multilíngue). O serviço é grátis, mas você precisa comprar sua própria hospedagem. Exige conhecimento técnico e não conta com suporte oficial. Se você investir tempo para aprender a instalar plugins e extensões, seu poder de personalização é total e ilimitado. Mas esteja ciente de que ele é muito mais difícil de usar do que um criador de site. Não existe a função de arrastar-soltar, por exemplo. Leia mais sobre o WordPress em nosso guia completo.

Exemplos de sites para pequenas empresas

5. E quanto à parte jurídica?

Bem, não somos especialistas na área jurídica, portanto, se esse é um fator importante para você, o melhor é consultar um advogado. Mas de forma geral, existem 3 coisas que precisam ser feitas ao criar um site profissional:

  • Registrar a sua empresa: você pode se registrar como autônomo, ou empreendedor individual, e deve ser maior de idade;
  • Estabelecer uma Política de Privacidade: o estilo vai variar de acordo com o lugar onde você estiver (Brasil, Portugal, etc.). Mas o conteúdo necessário costuma ser o mesmo: quais informações você coleta e como compartilha, como os usuários podem ver as informações fornecidas e alterá-las, descrição e atualizações da política. Se você opera na Europa, deve agir conforme a regulação RGPD;
  • Esclareça os Termos e Condições: é aqui que os usuários veem o que podem ou não fazer. Basicamente são detalhados: palavras-chave primordiais, direitos e “deveres” do usuário, uso do site, e mais caso você também vá montar uma loja virtual. Apesar de não ser obrigatório por lei, esse texto pode limitar suas responsabilidades caso algum usuário recorra à justiça.

6. Mais alguma dica?

Sim! Com o passar dos anos, conforme fomos nos especializando em ajudar as pessoas a escolher as melhores soluções para criar um site, vimos uma quantidade suficiente de sites para saber o que funciona e o que não é tão legal assim.

  • Crie um site profissional que se destaca. Se pesquisar um pouco sobre os seus concorrentes, provavelmente verá que muitos sites profissionais de certas áreas parecem sempre o mesmo. É uma boa prática experimentar e tentar fazer o seu se destacar!;
  • Branding é tudo. E não estamos só falando de ter um slogan legal. Você realmente pode criar uma presença sólida para a sua marca e para o seu site com imagens de alta qualidade, fontes adaptadas e um logotipo criado por um profissional;
  • Mostre o lado humano. Uma foto sua ou da sua equipe faz diferença. Lembre-se de que você está tentando ganhar a confiança dos usuários, e pessoas gostam de se relacionar e negociar com pessoas, não marcas anônimas;
  • Proponha um conteúdo de qualidade. Evite um jargão empresarial vazio e imagens com aspecto artificial. Embora exija um pouco de tempo e esforço, é importante revisar seus textos e variar os formatos de mídias (imagens, vídeos, gráficos, etc.);
  • Links em redes sociais e formulários de contato são sempre úteis. Eles passam confiança e permitem que os usuários se comuniquem facilmente com você;
  • Teste o seu site em smartphones! Atualmente a maioria do tráfego vem de dispositivos móveis, portanto, garanta o funcionamento perfeito do seu site nesse formato também.

7. Ah, e como eu atraio visitantes?

Boa pergunta. Esse é um assunto longo com respostas múltiplas. Mas, de modo geral, existem dois meios de atrair cliente para o site da sua pequena empresa:

  • Com tráfego pago: é aqui que a publicidade entra em ação. Você pode usar o AdWords, Facebook ou serviços semelhantes de marketing;
  • Com “tráfego orgânico”: é como as pessoas chamam quando os visitantes chegam por meio da sua rede social, através de um link no seu e-mail de marketing ou do SEO (Search Engine Optimization).

8. Obrigado por todas essas informações! Mais alguma coisa?

Não tem de quê!

Se você quiser ir mais a fundo no assunto,  pode baixar gratuitamente o nosso e-book (em inglês). Caso ainda tenha dúvidas sobre a melhor plataforma para criar um site no seu caso, deixe um comentário aqui e tentaremos ajudá-lo a escolher.

Obrigado por ler e mãos à obra!

About Josep Garcia, M.A. Multimedia Applications (UOC)

josep garcia

Olá, eu sou o Josep Garcia, editor no Tooltester.com. Amo o mundo da internet e da criação na web. Desde 2014 venho testando mais criadores de site e provedores de hospedagem (entre outros) do que posso me lembrar. Divido tudo o que aprendi trabalhando na Tooltester, se você tiver alguma dúvida, sinta-se à vontade para deixar um comentário.

Comentários e Perguntas

Voltar para o topo